Leituras ao pequeno almoço de Domingo #28FEB16





Lembram-se de quão difícil tem sido arranjar assunto para as Leituras nos últimos tempos? Queixo-me disso desde o início do ano e se desde então houve Domingos em que vos deixei pendurados acreditem, a culpa não é minha. Ou se calhar é, porque se fosse menos esquisita e selectiva e vos escarrapachasse a primeira treta que encontro, teria posts de Domingo intermináveis.
Sabem o que aconteceu? Pois é, estou com o mesmo problema. Por isso, resolvi oferecer a quem me segue um apanhado dos posts da Vizinha. Para quem sabe, o Blog da Vizinha é meu alter ego, aquele que fala de assuntos relacionados com blogs e sem papas na língua. Pode ser que assim, alguém se enxergue e comecem a levar mais a sério o seu blog e assim ter posts para serem divulgados. Já agora, se encontrarem assuntos que valham a pena aparecer aqui ao Domingo, diga-me nos comentários ou mandem-me um e-mail. Obrigada!

- Há um ano resolvi ajudar quem tinha um blog a começar o ano com tudo organizadinho. É engraçado reler estes posts, porque há rotinas que não se perdem e este ano fiz quase tudo igual.

- Escrever e manter um blog não é fácil, mas há pequenos gestos que nos fazem não largar isto. E o que eu gosto destes gestos!

- E quando resolvi dissertar sobre o facto de ficarmos na nossa, sermos diferentes e assim crescermos. Não ir comprar brigas, não pegar em assuntos que já sabemos que vão causar polémica porque já se sabe qual o resultado.

- O dia em que resolvi contar porque é que este blog existe. Fazia tudo outra vez, limando umas arestas.

- Se lerem este post, vão perceber o porquê da existência das Leituras de Domingo. Ter um blog é dar mas também é receber (tinha de incluir um pensamentozinho roto!)

- O primeiro post do Blog da Vizinha. Ainda hoje me lembro do gozo que me deu escrever isto. E ainda hoje acho que vou mudar os blogs portugueses.

- E para terminar, uma série de ideias para posts no vosso blog. Quem sabe, depois de as lerem, não terei excelentes posts para o Domingo que vem? Aqui, aqui e aqui. (estou a pensar seriamente em ressuscitar este post, além de vos ajudar também me ajuda a mim)

Por agora chega. Se seguirem o tag d'o Blog da Vizinha vão ter muito mais para ler (e com o fresquinho que está na rua, pode ser uma boa opção para passarem a tarde), para se divertirem e para reflectir. Quanto mais não seja para tentar descortinar o que eu disse, porque às vezes, até a mim me custa perceber.

Leave a Comment

  1. ahah ainda não tinha reparado na rubrica " O blog da vizinha" mas amei! E é verdade, os blogues dos outros parecem sempre melhores que os nossos e muitas vezes invejamos (guilty: Maria Guedes do Stylista!) a vida perfeita que parecem levar. Sabemos que não é bem assim, mas então... Enfim :) Precisamos de nos comparar menos com os outros!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, é verdade, a Maria Guedes é um excelente exemplo de quem sabe ter um blog com parcerias e consegue que ele "goes with the flow". ;) Mas espera lá: nunca tinhas reparado no Blog da Vizinha? Onde andas, mulher? Fazes um poll no teu blog e não te "inspiras" nos outros? Para saberes o que queres para o teu blog, tens de saber ver os outros ao longe: o que é que ela tem que eu posso fazer melhor? O que é que ele tem que não explora como deve ser? Ter um blog vem de cá de dentro, não é chegar, ler na diagonal e adeus (posso não comentar mas garanto-te que leio todos os teus posts - e assim se aprende o que devemos ou não fazer, o que podemos ou não melhorar, get it?). Vá, get yourself together. Já percebi que andas meia à toa e não é vergonha nenhuma pedir ajuda. Se calhar tens a boa ideia na cabeça e não a consegues pôr cá fora. Precisas de ajuda? Lá em cima tens um separador para me mandares um mail e não há que ser envergonhada ;). Pedir ajuda, perguntar, o que for! não tem de ser complicado. Estamos cá todos para ajudar! Beijinhos!!

      Eliminar
  2. Ideias para posts no blog... Só boas ideias!
    As tuas listas ajudaram-me a criar uma para mim... agora é não perder a lista e quando a inspiração falhar ir à procura dela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E vais à procura da inspiração ou da lista ;) ? Até eu me socorro das listas quando preciso, mas acho que vou abordar o assunto novamente, mas de maneira mais aprofundada - menos assuntos, mais explicações ;) Beijinhos!!

      Eliminar
  3. Bom dia
    Gostei das dicas. Apesar do meu blogue ter uma temática diferente há sempre maneira de adaptar os assuntos.
    Já conhecia a Vizinha e gosto "prontos". Escrever como apetece sem problemas de consciência. Muito bem :)
    Boa semana
    Marta

    ResponderEliminar
  4. Os assuntos são, tal como dizes, adaptáveis. Ou até por leres um ou outro lembras-te de mais dois ou três. É preciso é cabeça "aberta" e escrever como se o coração nos tivesse a sair boca fora a qualquer momento. ;) Boa semana!

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pelas ideias frescas e coloridas, ser altruísta é bom e reforça o nosso ego.
    Beijos

    ResponderEliminar

Eu sei que comentar é uma chatice, mas adoro saber as vossas opiniões. Obrigada!!